Tour pela Toscana – Siena.

Tenho que declarar a minha imensa felicidade em falar de um lugar que eu tenha gostado tanto, e este lugar é Siena. Capital da Toscana na produção artística, juntamente com Firenze na época do Renascimento, a cidade soube preservar as suas características medievais.
Colônia Romana fundada por Cesar no I século a.C, ainda hoje podem ser vistos os vários aspectos desta fundação como as várias esculturas da loba espalhadas por toda a cidade.
Siena está cercada por muros, e em uma das suas portas há escrito que Siena te abre o seu coração maior que esta porta, então pode-se perceber como te acolhe bem a cidade.
Após passar por um governo clerical, Siena em 1260 vence a sua grande rival Firenze na Batalha de Montaperti e produz grandes obras, o que a torna uma grande potência em arte e cultura.
Assim que chegamos tivemos que estacionar o carro e seguir a pé pois só os residentes possuem a autorização de circulação com carros e motos em todas as ruas da cidade. Caminhamos por mais ou menos 10 minutos, entrando pela Porta Romana, e demos de cara com uma Contrada que estava começando o seu desfile. Os membros com seus lenços amarrados ao pescoço, cantando com emoção, e a frente deles o cavalo, astro da festa que lá se realiza duas vezes por ano, 2 de Julho e 16 de Agosto, o tão famoso Palio.
Siena
O Palio é uma manifestação, a mais popular da cidade, que não há registros de como realmente tenha surgido, todavia se sabe que desde antes de 1310 esta celebração já fazia parte do calendário dos “Senesi”. E foi a partir deste ano que a mesma se tornou oficial, sendo realizada todo dia 16 de Agosto em homenagem a “Assunta in Cielo”, como forma de agradecimento a Virgem pela independência e autonomia Política de Siena. Em 1656 começa-se a realizar um segundo Palio, este no dia 2 de Julho, o “Palio delle Contrade” em homenagem a uma outra Virgem, a “Madonna di Provenzano”.
As Contradas são como as equipes que disputam o Palio, atualmente são 17, as quais possuem nomes particulares: Tartuca, Onda, Lupa, Nicchio, Oca, Istrice, Drago, Civetta, Chiocciola, Pantera, Aquila, Bruco, Leocorno, Valdimontone, Giraffa, Selva e Torre. Porém somente 10 realizam a corrida dos cavalos. O apse da festa!
Siena3
Siena5
Os bairros se enfeitam com as bandeiras das suas contradas, e os moradores da cidade participam ativamente da vida dessas organizações. Um dia antes da corrida, as contradas desfilam pelas ruas históricas de Siena, apresentando o seu cavalo, cantando lindamente, e fazendo com que nós turistas nos reportemos aos antigos anos da era medieval. Durante a noite essas contradas oferecem um verdadeiro banquete aos seus membros, com longas mesas espalhadas pela rua, tendo como principal estrela o cavalo, que come junto com os membros.
No dia da realização da prova, a praça principal, a “Piazza del Campo” vem invadida por uma verdadeira multidão de nativos e turistas de todas as partes do mundo, que querem acompanhar esta particular manifestação popular.
Cheguei lá por volta das 4 horas da tarde, o calor estava forte, e todos estávamos munidos de chapéu e muita água. Um desfile com todas as Contradas é realizado, show de bandeiras, cores, trajes típicos, cavalos, banda de sopro com cornetas que emitem aqueles sons de filmes épicos, é uma viagem na história e no tempo, emocionante!
Siena2
Siena4
Após quase 5 horas os jóqueis com seus cavalos entram na Praça e causam furor na platéia. Até eles conseguirem se alinhar para que a largada seja feita, o silêncio de uma praça lotada é assustador, e ufa, haja paciência… Mesmo que o jóquei caia do cavalo, se este chegar em primeiro lugar sozinho será também considerado campeão. Tudo isso para ver menos de um minuto de corrida e ter consagrado um dos 10 cavalos. Quando a corrida termina os torcedores invadem a pista, praticamente arrancam o jóquei de cima do cavalo e aí começa a festa, que dura até a manhã seguinte. Vale a pena ir a Siena nesta época, a atmosfera é encantadora!!!!!
 Siena6
Siena7
Antes de qualquer coisa, a cidade em si ja é uma grande obra artística a céu aberto. Aquela atmosfera medieval já na entrada com um muro que cerca a cidade, passar por dois portões enormes, com escritos em latim, as cores que variam do vermelho ao ferrugem, os tijolos, enfim. Muito interessante e admirável é como o povo de Siena tem orgulho do seu lugar e mantém as suas características originais.
Siena possui alguns pontos turísticos indispensáveis: a Piazza del Campo, o Duomo, oBattistero, o Facciatone, o Museu e o Palazzo Pubblico.
Piazza del Campo é central e quase todas as ruas te levam a ela , então não tem como não ver. Grandiosa e feita em forma de concha a praça é o palco da festa do Palio e está rodeada por prédios com arquitetura medieval. Nesta praça está o Palazzo Pubblico, iniciado em 1250 e concluído em 1310. Sede do Governo Municipal, este prédio é um dos edifícios góticos mais importantes da região da Toscana. Composto também da Torre del Mangia, alta 102 metros e que possui este nome em homenagem a Giovanni di Duccio, também conhecido como o Mangiaguadagni, ou simplesmente Mangia. Duccio é um dos principais artistas que realizaram obras em Siena, as quais podem ser vista por vários pontos da cidade, inclusive no Duomo e no Battistero.
O Duomo de Siena é uma importante referência na arquitetura Gótica Italiana. Na construção do Duomo alguns dos principais artistas italianos se fizeram presentes, uma obra que vai do século XII ao século XIX. A fachada é riquíssima em detalhes, assim como o interior da Catedral. Muitas das obras originais foram retiradas dos seus lugares de origem e postas em exibição no Museu ou Battistero, e réplicas foram postas no lugar, para que as originais pudessem ser preservadas.
No Battistero se pode comprar um bilhete que nos dá o direito de ir ao mesmo, ao Museu, ao Duomo, a Cripta e ao Facciatone. Custa 10 eruos por pessoa.
Em alguns repartimentos não são permitidas fotografias, em outros sim, porém sem flash.
O Battistero é bem pequeno, e muito bonito. Foi construido entre 1316 e 1325 por Camaino di Crescentino. No museu obras lindíssimas podem ser apreciadas, desde esculturas a quadros e muito mais.
Do Facciatone a vista da cidade é quase completa e é espetacular. Se deve subir aquelas escadinhas de caracol, pequena, mas para quem não se sente bem nao é indicado.
A cidade inteira de Siena te faz sentir em uma set de hollywood, me sentia estar dentro daqueles filmes históricos, com personagens que passavam na minha frente, roupas coloridas, cheias de tecidos, pregas, perucas, bandeiras, cornetas, e muitas, muitas outras peças importantes e fudamentais para fazer de Siena a cidade tão encantadora que é.
Quem quiser visitar o lugar durante o Palio tentem programar isso antes, os hotéis mais próximos à praça ficam logo lotados.

Siena foi um dos lugares que mais amei na Toscana! ❤

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s